Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Churchil Island - Victoria

por parasergrandeseinteiro, em 23.09.14

Os dias têm estado cada vez mais agradáveis e o frio já não é um impedimento para passear o dia todo.

Adoro esta fase do ano, despedir-me do Inverno e receber os dias de Primavera cheios de brilho.

Há umas semanas atrás fui a Churchil Island. Mais um local maravilhoso...

 

 

Hong Kong tinha uma cultura de Hikes de que sinto falta. Havia grupos organizados e funcionavam perfeitamente e exemplarmente. Acho que é das poucas best practices que me impressionaram por lá.

A hora/ local eram marcados e como eles diziam: "Se chegares tarde não precisas de pedir desculpa porque nós não esperamos". Se falhássemos o compromisso mais de duas vezes era muito simples: éramos expulsos do grupo e assunto arrumado.

 

Tentei encontrar um grupo de Hike em Melbourne, à semelhança. Tinha esperança que fosse como em Hong Kong e que pudesse ter umas actividades semanais garantidas por sítios que ainda não conheço.

Pois bem, a experiencia foi tal que o lado positivo foi: estar certa de que não se volta a repetir. Pelo menos com aquele grupo!

60% do tempo foi à espera de pessoas atrasadas, perdidas, que estavam a comer.... sei lá! Uma organização inarrável! 

Eu já espumava! E tive que me conter muiiiito para não por aquela gente toda na ordem... Perder tempo ataca-me os nervos!

 

Por isso Churchil Island, voltarei para te caminhar de uma ponta à outra mas pelos meus meios!

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:41

Sempre a aprender

por parasergrandeseinteiro, em 19.01.14

(NOTA: Esta bagagem é de duas pessoas e não apenas minha)

 

Esta viagem está a servir entre muitas coisas boas e maravilhosas para perceber como devo viajar para a próxima e evitar cometer os mesmos erros.

Refiro-me a essencialmente a bagagem, porque neste momento se eu pudesse eliminava uns 75%! Já perdi uns 10%... e não sou pessoa de “semear” coisas, mas quando se anda com 2 malas mais uma mochila acontece!

 

Tudo o que se traz carrega-se às costas e ainda se paga excesso de bagagem. Ah pois é!

 

De qualquer forma posso sempre salvaguardar-me com a desculpa que estou a fazer uma viagem "nomada” que é igualmente uma transição da minha vida de Hong Kong para o próximo destino logo não é assim tão fácil viajar só com o essencial.

 

Para a próxima viagem que fizer não me quero esquecer de:

- Chapéu (trouxe)

- Óculos de sol (na trouxe)

- Protector solar (trouxe)

- Ténis (perdi logo nos primeiros dias)

- Chinelos (trouxe)

- Polar/ sweatshirt (trouxe mas é muito fina)

- Meias (trouxe)

- Cadeados para as malas (trouxe)

- Tampões para os ouvidos (mesquitas, motas, galos…) (sempre comigo)

- Lanterna (Nop)

- Fio dentário/ escova de dentes (sempre comigo)

- Toalhitas húmidas e lenços (sempre comigo)

- Corta vento/ impermeável (trouxe)

- Repelente de mosquitos (DEET) (trouxe)

- Lençol/ saco cama (Não trouxe, nem tenho)

- Máquina fotográfica (trouxe)

- Saco estanque (Não trouxe, nem tenho)

- Medicamentos (SempRRRe!)

 

Em relação a roupa, 3 a 4 mudas velhas de preferência, porque tudo o que vem idealmente deve ficar. Eu não queria acreditar mas aprendi bem a lição. Chinelo no pé, roupa confortável e paz de espírito é o essencial para se viver bem estes dias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:21

BROMO, Ilha de Java, Indonésia

por parasergrandeseinteiro, em 19.01.14
O Monte Bromo é um vulcão activo e é parte do Tengger massif, oeste da ilha de Java, na Indonésia.
 
Com 2,329 metros é uma das atracções turísticas mais visitadas por aqui. O vulcão pertence ao Parque Nacional Bromo Tengger Semeru. O seu nome deriva do javanês Brahma, o Deus criador hindu.
Para chegar à borda da cratera optamos por ir a pé em detrimento das inúmeras hipóteses disponíveis: jipe, pónei, cavalo, mota...
A paisagem é árida e vulcânica, o silêncio é apaziguante e a suave textura do solo contribuem para uma caminhada muito agradável.
 

 

 

 

 

 

 

 

 Já não era o primeiro vulcão que ia ver, mas fiquei de queixo caído com a espectacularidade do que me esperava.

Depois de subir centenas de escadas até o topo, e ainda ofegante, deparo-me com um vulcão obviamente activo, imponente, um cheiro intenso a enxofre e um frio gélido devido à altitude a que me encontrava.

 

 

um vapor denso, quente e sulfurado a galgar a cratera. Uma imagem única e marcante.

Ao fim do dia tive oportunidade de assistir a um magnifico pôr-do-sol, o que fechou esta experiencia de uma óptima forma.

Adorei! valeu muito a pena a aposta no Monte Bromo.

 

 

 

Embora estivesse novoeiro, apanhei uma valente constipação e escaldão.

 

Estadia de 15 a 17/01/2014.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:15

Um sábado... doce e perfeito

por parasergrandeseinteiro, em 20.10.13

Sai Kung, a minha primeira visita (de muitas, suspeito).

 

 (Daqui)

Respirar em concorrência com a natureza densa, seguir trilhos delimitados por raízes antigas, podados pela mão humana, com restos de escadas partidas e já gastas. Caminhos irregulares de lajes mal enjorcadas.

 

Como me descreveram ontem, entramos num jogo cerebral estimulante que nos alheia de "ancoras" do dia-a-dia “Um pé ali, outro aqui. Boa! Salta, Cuidado ali. Olha a pedra, a raiz, rápido, lento… BIS”

 

Hong Kong é um tesouro de natureza. Oferece-nos as melhores vistas como resultado de desafios de persistência e de uma boa condição física, com o bónus de podermos usufruir de um verde denso embutido numa bolha de humidade com cheiro a vida.

 

Depois de um hike agradável, conheci a zona costeira e comercial de Sai Kung. Uma bonita marginal, com uma sequencia invariável de restaurantes de marisco. O marisco (como qualquer outro animal comestível por aqui) apresenta-se vivo ao cliente e depois de comprado ao peso, é cozinhado da forma que nos agrada.

 

O critério de seleção do restaurante acabou por ser a qualidade da agua dos viveiros.

Uma tarde quente, com uma brisa envolvente e carinhosa, confortável que me relaxou… a ver a vida passar e com o mar em pano de fundo.

A companhia completou o cenário e faz do momento, um momento especial.

 

A parte de chegar a casa, tomar um banho que me massajou, abrir um vinho e entregar-me sem remorsos a bons queijos e a um chouriço português e ver uma boa serie... fechou um sábado doce e perfeito!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:24

Hike + limpeza de praia + pôr do sol

por parasergrandeseinteiro, em 14.08.13

Hike em Ma Wan Park:

 

 

Pico do calor: apesar de não ser (de todo!!!!) a hora ideal lá fomos nós!

 

 

Uma grupeta composta, motivada e cheia de energia!

 

 

Uma colega/ amiga alemã que conheci no trabalho acompanhou-me nesta "ligeira aventura":

 

 

Continuo a adorar a mistura: conhecer pessoas diferentes + exercício físico + contato com a natureza:

 

 

 

 

E assim foi. Por mãos à obra e apanhar o lixo mais grosseiro.

Adorei a sensação final de olhar para a praia e estar visivelmente mais limpa!

 

 

Luvas e saco em punho, SUAR muito... mas a "coisa" fez-se:

 

 

Hong Kong ainda é para mim um sitio cheio de novidades, surpresas e pejado de cenários maravilhosos:

(muito bom para amantes de fotografia)

 

 

No fim do dia, uma grande alergia a não sei o que, picadas de insetos (por mais repelente e protetor que ponha há sempre sequelas):

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:06

O meu primeiro Hike!!! (Mount Cameron, Hong Kong)

por parasergrandeseinteiro, em 31.07.13

À terceira foi de vez! Depois de 2 cancelamentos devido às más condições meteorológicas ... ontem estreei-me e descobri uma atividade que me agrada muito!

A grupeta:

Grupo dos monitores:

Foi o 600° (seiscentésimo ;)) Hike do Sr. da esquerda (SK).

Não há palavras para descrever o cheiro abafado da natureza, a adrenalina de caminhar na escuridão e poder sentir a força desta cidade lá bem ao fuuuundo:

A subida custou-me muito, confesso que a determinada altura pensei em desistir. Felizmente superei e terminei o meu primeiro Hike com uma certeza: foi o primeiro de muitos!

 

 

Foram só 7 km, com uma subida interminável... a partir daí foi só usufruir.

Mal posso esperar pelo próximo!

Uma forma saudável e altamente relaxante de terminar o dia!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:08

Hiking

por parasergrandeseinteiro, em 19.07.13

Hiking é uma atividade ao ar livre muito popular e praticada por estes lados. Consiste em caminhar em trilhos naturais, montanhas ou terrenos planos e com diferentes níveis de dificuldade: mais ou menos velocidade e/ou inclinação.

Há inúmeras organizações que promovem este tipo de atividade, tão saudável para o corpo e para a mente.

 

Hoje, se a chuva deixar, será a minha primeira vez.

Será um Hike noturno de 11 km com o grau de dificuldade indicado para iniciantes. Tenho andado a ganhar resistência cardiovascular no ginásio e sinto-me preparada para começar.

Estou tão entusiasmada!!! Espero que o mau tempo não me estrague os planos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:30


Mais sobre mim

foto do autor




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Março 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

subscrever feeds