Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

 

O “porquê” não tem que ter uma resposta…

Eu vou partir, mas vou levar o meu coração… quero enchê-lo devagarinho, com cuidado e desta vez serei eu a tomar conta dele. Vai ser bom estar por mim, se um dia puder ser melhor quero ter os meus braços abertos a ansiar por um abraço, um peito encaixável, e um coração completo.

As situações valem o que são, mas para nós podem ser um tudo ou um quase nada, eu e tu respetivamente.

Caramba… Dei muito, e dei da melhor forma que soube, sempre com a consciência de fazer por mim e depois por nós. Mas lá no meio pensei mais em ti, mas não me quero arrepender, só aprender a perdoar-me.

publicado às 22:35


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Março 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

subscrever feeds