Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




o contestado filme: NYMPHOMANIAC: VOL. I e II

por parasergrandeseinteiro, em 19.04.14

 

 

Um argumento muito bom, estruturado e inteligente.

Cru, explícito e intenso. 

 

Cru, os silêncios e o ritmo a que o filme se desenvolve criam algum desconforto no expectador. Senti que obriga a uma constante confrontação com questões e realidades complexas. Ultrapassa o “julgamento” mais imediato de um senso comum mesmo que sensível.

 

Explicito, mostra sem pudor ou limites as circunstancias que relata. Não é um filme pornográfico, longe disso, mostra o sexo com o objectivo de ilustrar uma adição, obsessão real, não tendo intenções eróticas, mas é esclarecedor e pragmático na fotografia.

E aqui tenho que manifestar a minha surpresa, não encara o sexo como um tabu e frustra as expectativas de um filme porno (para quem as nele procura)… mostra sexo obcessivo e insaciado, patológico. Poderia ser álcool, drogas, jogo… se de outra dependência se tratasse.

 

Intenso, porque mexeu comigo, deu-me outra perspectiva da patologia que trata, do sofrimento e angústia vividos, da desinformação vigente e da facilidade com que se censura.

N situações críticas no filme, as duas personagens principais têm ambas problemas de natureza sexual completamente opostos, um dependente de sexo e outro assexuado, pelo menos na sua consciência. Um final surpreendente leva-nos à conclusão que por curiosidade ou luxúria o ser humano entrega-se fatalmente ao desejo. Sempre, só variam os estímulos.

 

 

Para maiores de 18 e, a maturidade individual será um requisito para melhor avaliar esta abordagem, na minha opinião fenomenal e de difícil “digestão”.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 14:54



Mais sobre mim

foto do autor





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Abril 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930






eXTReMe Tracker